The Red Bull Paper Wings Rules

REGRAS DO RED BULL PAPER WINGS INTERNATIONAL

Para podermos desafiar o atual recorde do mundo, temos de o fazer de acordo com as regras internacionais desenvolvidas pela Paper Aircraft Association (PAA) e os regulamentos do Guinness World Record. Para assegurar que os resultados são comparáveis a nível mundial, terão de ser seguidas as seguintes regras oficiais do Red Bull Paper Wings.

Maior Distância

- Todas as provas devem decorrer num recinto coberto, sem qualquer vento.
- Os aviões de papel só podem ser construídos a partir de uma folha de papel: formato standard A4 (297×210mm) e com um peso máximo de 100gr. A folha apenas pode ser alterada com dobras! Não é permitido rasgar, colar, cortar, agrafar ou adicionar lastro!
- Os aviões de papel têm de ser construídos no local, com o papel oficial fornecido pela organização.
- Os aviões têm de ser lançados por uma única pessoa, sem qualquer ajuda e a partir de uma linha de lançamento marcada no chão. Se a linha for ultrapassada, o voo não será considerado válido. O lançador só pode atravessar a linha depois do avião ter aterrado ou ter embatido num qualquer objeto.
- São permitidas duas tentativas para cada participante. Em cada uma delas pode utilizar aviões diferentes e contará o melhor resultado obtido.
- A distância tem de ser medida com uma fita métrica ou dispositivo laser/vídeo normalizados. A medição será efetuada a partir da linha de lançamento até ao primeiro ponto onde o avião tocar no chão ou em qualquer objeto. Os resultados deverão ser apresentados em metros / milímetros ou pés.

Maior Tempo de Voo

- Todas as provas têm de decorrer em recinto coberto, sem qualquer vento.
- Os aviões de papel só podem ser construídos a partir de uma folha de papel: formato standard A4 (297×210mm) e com o peso máximo de 100gr. A folha só pode ser alterada por dobras! Não é permitido rasgar, colar, cortar, agrafar ou adicionar lastro!
- Os aviões de papel têm de ser construídos no local, com o papel oficial fornecido pela organização.
- Os aviões só podem ser lançados por uma única pessoa, sem qualquer ajuda, e de uma posição razoavelmente estática.
- Os participantes têm de ter ambos os pés assentes no chão durante o lançamento.
- Não é permitido tomar balanço, utilizar rampas ou dispositivos semelhantes.
- Cada participante tem direito a duas tentativas. Em cada uma delas pode utilizar aviões diferentes e contará o melhor resultado.
- O período decisivo para a pontuação decorre entre o momento em que o avião de papel sai da mão do participante até aterrar ou embater num objeto. Os resultados são contabilizados em décimos de segundo.

Acrobacia

- Todas as provas devem decorrer num recinto coberto, sem qualquer vento.
- O avião tem de ser feito em papel, mas não existem restrições em relação à qualidade do papel, tamanho, técnica de construção e materiais de apoio utilizados.
- Não é permitido mover o avião através de controlo remoto, nem utilizar energia armazenada para esse efeito (bateria, etc.).
- Os aviões podem vir previamente montados para a competição.
- Não existem restrições de movimentos no acto do lançamento.
- Cada participante dispõe do período de 1 minuto para impressionar o júri.
- Serão julgados os seguintes critérios: . Construção (técnica) do avião de papel . Criatividade (arte e design) . Performance do voo

- No que diz respeito à performance do voo, o júri deverá basear a sua pontuação na execução do voo, por exemplo, o diâmetro (do loop / onda / círculo), estabilidade e duração do voo.
- Cada membro do júri pode atribuir 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9 ou 10 pontos. O júri é formado por três membros. Estes podem ser celebridades locais, alunos populares da faculdade, professores técnicos ou pessoas ligadas à aviação (pilotos, hospedeiras, etc.)
- Cada membro do júri julga uma das 3 categorias/critérios (construção do avião, performance de voo e criatividade), a chave é combinar a categoria com a personalidade de cada júri. O somatório dos pontos conseguidos será o resultado final.
- O piloto de Acrobacia que irá representar o seu país na Final Mundial, pode ser apurado numa Final Nacional ou através da votação on-line do seu vídeo. Se o sistema de votação on-line for aplicado, podem ser obtidos através de votos, 10 de um total de 30 pontos. Os restantes 20 pontos são atribuídos por dois júris, até um máximo de 10 pontos cada.
- Ambos os júris avaliam a construção, criatividade e performance de voo.

Estas regras foram aprovadas e oficialmente declaradas pelo Diretor de Voo, que será responsável pela observação das mesmas, de forma a garantir uma competição justa. Todas as questões que possam surgir e/ou possíveis protestos, serão esclarecidos pelo Diretor de Voo sempre que interpelado pelo participante, podendo este decidir pela repetição do voo.